sábado, 25 de maio de 2013

#BOMBA! #DILMA APOIA MILICIAS ARMADAS NA VENEZUELA E PREPARA GOLPE COM MÉDICOS CUBANOS NO #BRASIL

Por Carlos Parrini ... 

Gente, isso é muito grave!
Está tudo dominado. O PT está preparando um Golpe para se apossar do poder definitivamente. Já estão dominando o Executivo, comprando o Legislativo através de mensalões, verbas públicas, cargos e Ministérios. Estão enchendo o STF de simpatizantes PTistas, estão usando esse sistema de urnas eletrônicas que está mais do que provado que é fraudulento. É tão perigoso que nem o Paraguay quis. E para piorar as coisas, querem encher nossos interiores de Médicos Comunistas Cubanos, como foi feito na Venezuela que começou com 1.500 deles e agora está em 30 mil. Todos incompetentes nas profissões, mas competentes em fazer lavagem cerebral nos otários.

Não é brincadeira não. Vejam as denuncias e compartilhem por favor, antes que seja tarde demais:

O golpe do PT e os "médicos" de Cuba !


Vejam mais fraudes descobertas nas urnas eletrônicas. Desse jeito não temos como evitar o Golpe do PT. E de quebra terão a ajuda dos médicos Cubanos para implantarem o comunismo no Brasil, como estão fazendo na Venezuela.

 


Leiam o babado:

DILMA APOIA MILICIAS ARMADAS NA VENEZUELA!

Maduro, apoiado por Dilma, planeja a criação de "milícias operárias", grupos armados ligados ao governo.

Após ameaçar cidadãos venezuelanos, afirmando saber quem votou em seu opositor, em meio a denúncias de fraudes nas eleições e violações constitucionais, Maduro anunciou incentivo à criação de mílicias operárias uniformizadas, ampliando grupos armados ligados ao governo.

Vale ressaltar que já existe a Milícia Nacional Bolivariana, criada por seu antecessor. O objetivo seria, alega o presidente, fortalecer a aliança operário-militar.

Afirmou: "As milícias serão ainda mais respeitadas se tiverem 300 mil, um milhão, dois milhões de trabalhadores e trabalhadoras uniformizados e armados, prontos para a defesa da soberania e da revolução". O efetivo oficial, atualmente, é de 130 mil homens da "Resistência Bolivariana". Vale ressaltar que a população venezuelana é de cerca de 29 milhões de habitantes, o que indica um agudo desejo de militarização e armamento da "revolução bolivariana".

Qual a razão de, em uma democracia, formar grupos armados partidários? Segundo diversas denúncias, as já existentes estão sendo utilizadas como forma de coação e intimidação de opositores. Para defensores do regime, são um meio de resistir à opressão de adversários internos e externos. Resta lembrar que o regime democrático deve ser pautado pelo diálogo, pelo discurso, pela representação, não pela força física e pela intimidação.

Outra questão relevante consiste na razão do apoio prestado por Dilma Rousseff ao regime, inclusive segurando imagens que desvelam o culto de personalidade ao antecessor Hugo Chávez. Não se sabe do apoio à criação das novas milícias, mas, até o momento, a presidente não se pronunciou sobre o caso, sendo mantido, ainda que por inércia e omissão, o apoio ao regime.

Para os governantes brasileiros, inclusive Dilma Roussef, a democracia não é importante? A coação e o uso de milícias são condutas legítimas e dignas de apoio? Por que a omissão?

Transcrito do Facebook




Media preview

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Se não Compartilhar, poucos saberão!!!




Curta, comente e compartilhe no FaceBook e apareça aqui:



VEJA OUTRAS FORMAS FÁCEIS SEGURAS E BARATAS DE SE CONSEGUIR MUITO DINHEIRO NA NET:
http://blogdoparrini.blogspot.be/2016/06/renda-extra-formas-seguras-e-baratas.html

Ratings and Recommendations by outbrain