sexta-feira, 1 de março de 2013

BOMBA! Joaquim Barbosa diz que Mensaleiros serão presos até Julho.

Por Carlos Parrini ... 

Demorou! Mas chegou a hora de enforcar (No sentido mais carinhoso da palavra) os criminosos. É chato vendo bandidos como José Dirceu subindo em Palanques mandando UNE, CUT, MST e outros agregados das tetas do Governo, pregar contra a Justiça e as pessoas de bem. Pior mesmo é você ver o ladrão José Genoíno empossado deputado, mesmo tendo sido condenado. Usam dinheiro público para se mostrarem como santos e injustiçados, apesar de diversas provas documentais e testemunhais contra eles.
A revolta contra esses ex-terroristas ladrões é tão grande que até o Deputado meteu o SARRAFO no Genoino como voces podem ver nesse vídeo abaixo. Foi humilhante e merecido a esse corrupto cara de pau.

BOLSONARO TORTURA GENOINO NO PLENÁRIO





Mas a nota triste apesar dessa ótima determinação do Presidente do STF, é saber que a Presidenta Dilma Rousseff apoia todos esses ladrões que foram seus companheiros de armas. O ideal é que ela estivesse no meio deles indo ser enforcada também, pois só em dar a poio, demonstra a sua conivência, o que já é um crime.
Ela gosta tanto dos bandidos que roubam dentro do governo que troca um pelo outro, vejam:

´
É assim que funciona a faxina de Dilma. Além de não fazer nada contra os ladrões, trás outros do mesmo partido que criou as cobras, ou melhor, assaltantes do dinheiro público.
Por isso acho é pouco só esses 25 serem enforcados a partir de julho. Seus chefões e chefoas deveriam acompanhá-los só pelo fato de serem coniventes ou chefes dessas gangues que se instalou no Planalto e Congresso.
Por isso, mais uma vez Parabéns Joaquim Barbosa, por você ser o verdadeiro faxineiro de FATO.

Vejam a matéria Via O HOJE

Mensalão: aplicação de condenações sai em julho

De acordo com o presidente do STF, até 1º de julho, as condenações do caso, que incluem prisão de 22 réus, deverão ser executadas
AGÊNCIA ESTADO
Em 01/03/2013, 00:55

Opresidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, afirmou nesta quinta-feira que até 1º de julho deverão ser executadas as condenações do processo do mensalão que incluem prisões de 22 réus, entre os quais o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu e o ex-presidente do PT e deputado federal José Genoino.
“As ordens de prisão devem ser expedidas antes desta data”, disse Barbosa durante uma entrevista coletiva concedida a jornalistas que trabalham para veículos de imprensa estrangeiros. Entretanto, o ministro, que também é o relator do caso, disse que será necessário cumprir as últimas etapas do processo.
Tomada em dezembro após 4 meses e meio de julgamento, a decisão do STF ainda não foi publicada. Após a publicação oficial, será aberto um prazo de cinco dias para que os réus recorram. Depois disso, o plenário terá de julgar os recursos. Não há previsão de quando isso ocorrerá, apesar de o presidente ter dito nesta quinta que tudo deverá estar resolvido até 1º de julho.
As penas aplicadas pelo Supremo aos 25 condenados no processo do mensalão variam de 2 a 40 anos de prisão. O réu condenado à pena maior é o empresário Marcos Valério Fernandes de Souza. Mas também foram considerados culpados o deputado federal João Paulo Cunha (PT-SP) e o ex-tesoureiro petista Delúbio Soares.
Na entrevista concedida aos jornalistas, Joaquim Barbosa disse que diante do desvio de R$ 100 milhões de verbas públicas as penas foram “baixíssimas”. O ministro reconheceu que nenhuma das penas deverá ser cumprida na sua totalidade porque há diversos recursos judiciais que podem ser usados para reduzir o tempo de permanência dos réus na prisão.
Mandatos
O líder do PSDB, Carlos Sampaio (SP), disse ontem que vai pressionar a Mesa Diretora da Câmara a recuar da proposta de permitir à Corregedoria “instruir” e “dar parecer” nos processos de perda de mandato de deputados condenados pelo STF no processo do mensalão. O temor é de que essa prerrogativa crie espaço para se alterar a decisão do tribunal sobre o tema, poupando os quatro deputados condenados: João Paulo Cunha, José Genoino, Valdemar Costa Neto (PR-SP) e Pedro Henry (PP-MT). O projeto precisa ainda ser votado em plenário.
A mudança, revelada nesta quinta-feira pelo jornal O Estado de S Paulo, foi incluída no projeto que cria uma Corregedoria autônoma para a Casa, de livre indicação do presidente. O artigo que pode ter implicação no mensalão não constava na minuta do projeto encaminhado para decisão da Mesa.



Para terminar esses são os destaques dos 10 anos do PT que foram omitidos da festa de comemoração dos PETRALHAS e que também deveriam ser levados a forca:



Não poderíamos de deixar de mencionar os cabeças que deveriam acompanhar José Dirceu e Cia.






Quem faltou enforcar? Será que esquecí alguém?



Ah! Faltou o povo. Se bem que este já está mais que enforcado, principalmente depois que votou nesses ladrões.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Se não Compartilhar, poucos saberão!!!




Curta, comente e compartilhe no FaceBook e apareça aqui:

Ratings and Recommendations by outbrain