domingo, 24 de fevereiro de 2013

NAO PODEMOS SER CONIVENTES COM O CRIME ORGANIZADO



...o ilustre José Dirceu, condenado a 10 anos e 10 meses e prisão no Mensalão, aproveita os momentos de delírio em festança do PT para bravatear: “Eu sou o PT e o PT somos nós! Quero ver qual vai ser o juizinho que terá coragem de mandar prender a mim ou algum de nossos companheiros”. O líder revolucionário Dirceu – garantindo que o Brasil já está definitivamente no rumo do socialismo – certamente fará tal modalidade de “Justiça” ser implantada no novo regime. O lema operacional da petralhada será: “Aos amigos, tudo. Aos inimigos, nem a lei”.

O cardeal Dirceu, o seminarista Rugai, o Grão-Maçom desembargador Gagliardi e tantos outros que erram e passam impunes estão mais vivos que nunca no Brasil. Triste é que os sobreviventes da impunidade não se juntam para protestar com eficácia e eficiência, para mudar o quadro de impunidade e injustiça para o de respeito, disciplina e ordem democrática, com segurança do Direito e Ética.

Não podemos ser coniventes com a evolução do Governo do Crime Organizado. Seus meliantes se disfarçam de militantes e usam as ideologias (socialistas, comunistas, etc) para iludir os otários, enquanto consolidam o poder capimunista – no qual os oligopólios e os políticos parceiros usam e abusam dos esquemas estatais, dentro e fora da lei, para ganhar cada vez mais dinheiro.

Quem reclama, de verdade, no Brasil, já morreu? Parece que sim... Até quando a maioria inocente será vítima da ditadura da ilegalidade e da imoralidade? Neste ritmo, por omissão, acabaremos todos culpados pela impunidade. E sobreviveremos com a ilusão de soltura dentro da gaiola da ditadura travestida de democracia representativa.
Você tem vocação para pinto no lixo, enquanto os bandidos matam nossa galinha dos ovos de ouro no Brasil? Eu não tenho...
 
 
Postado por Tereza do Politica sem Medo 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Se não Compartilhar, poucos saberão!!!




Curta, comente e compartilhe no FaceBook e apareça aqui:

Ratings and Recommendations by outbrain