sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

#BOMBA! Ex-Marido de Rose recebeu R$ 132 mil do BB, sem trabalhar.

Por Carlos Parrini ... 

Que o Governo costuma sustentar vagabundos com o dinheiro público, não é novidade. Agora que o ex-marido da tal amante de Lula também estava entre os privilegiados é difícil de acreditar. Bom, até podemos imaginar que esse ex sabe demais e nada melhor que um cala boca. Pior do que outros que sabiam de mais e foram assassinados ou suicidados misteriosamente. Por isso é mais fácil acreditar que era um vagabundo e que dividia sua gratificação com Rose Noronha, do que achar que seria um chantagista.
Embora fosse um vagabundo já que nunca trabalhou para receber essa fortuna do BB, esse ex pode estar com a faca e o queijo nas mãos. Mas como a PF descobriu e cortou a mesada, pode ser que já esteja com a corda no pescoço. É impossível um ladrão que não receba mais nada de propina, fique com a boca calada para sempre. A não ser que amanheça com a boca cheia de formiga, claro.

Essa mulher sabe demais. Suas ligações são perigosas e ela pode morrer.

Vejam o Babado:

10:07 \ Brasil

O marajá e a madrinha

Poderosa madrinha
A proximidade com Lula não garantiu à notória Rosemary Noronha apenas favores, passeios em navios e indicações para cobiçados cargos no serviço público.
Entrar para a lista dos afilhados de Rose valia um passaporte para a vida mansa, que o diga o seu ex-marido: José Cláudio Noronha.
Nos três anos e meio em que integrou conselhos administrativos da Brasilprev e da antiga Aliança do Brasil, Noronha recebeu 132 000 reais sem precisar sair de casa.
Como era suplente nos dois colegiados e o titular nunca faltou, Noronha jamais participou de uma reunião sequer, mas a remuneração era depositada em sua conta-corrente todos os meses, religiosamente Receber esse dinheiro, ressalte-se, não é ilegal; é apenas imoral, dada a forma como conseguiu ser nomeado.
A renda complementar só foi cortada quando as tramóias de sua madrinha foram descobertas pela PF. Os números que engordaram o caixa do marajá José Noronha foram enviados pelo próprio Banco do Brasil ao gabinete do deputado Rubens Bueno.
Por Lauro Jardim


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Se não Compartilhar, poucos saberão!!!




Curta, comente e compartilhe no FaceBook e apareça aqui:

Ratings and Recommendations by outbrain