segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

#BOMBA! Finalmente Renan Calheiros entra no Corredor do STF:

Por Carlos Parrini ... 

Será que isso é motivo para comemoração? Claro que é. Já que esse Senador é acusado de muita corrupção, mas conseguiram brindá-lo de todas as formas. O Implacável Roberto Gurgel do MP, reuniu provas suficientes de um de seus mal feitos: Notas frias para justificar gastos vultosos com dinheiro público. Alegou que vendeu milhares de cabeças de  gado para pequenos açougueiros que, por sua vez, alegam desconhecerem essas compras.


Assim, mais um Senador entrou para o corredor da morte, ops, do STF. A única dúvida é que o Chefe do Supremo que recebeu a acusação é o nada menos Ricardo Lewandowiski, aquele mesmo que ficou famoso junto com Dias Tofolli, por defenderem e absolverem os mensaleiros do PT.
Mas de uma certa forma a Justiça começou a ser feita, mesmo com tanta blindagem. Resta a Roberto Gurgel ficar de olho e acompanhar até o fim, como fez com o Mensalão e que resultou em cadeia para muitos PTistas e os camaradas da base alugada.
Vamos comemorar? Boraaaa!


Vejam a matéria com a notícia boa:

Procuradoria-Geral denuncia Renan Calheiros no caso dos 'bois de Alagoas'

Caso, que corre sob segredo de Justiça, é o mesmo que levou o parlamentar a renunciar ao comando do Senado, em 2007

26 de janeiro de 2013 | 19h 50


O Estado de S.Paulo
BRASÍLIA - A Procuradoria-Geral da República denunciou o líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (AL), no caso que ficou conhecido como "bois de Alagoas". A notícia foi publicada neste sábado, 26, pelo site Congresso em Foco. De acordo com o site, a denúncia foi apresentada na sexta-feira pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel, ao relator do inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ricardo Lewandowski. Se os ministros do Tribunal aceitarem a denúncia, Renan se tornará réu em uma ação criminal.
O caso, que corre sob segredo de Justiça, é o mesmo que levou o parlamentar a renunciar ao comando do Senado, em 2007, para tentar se livrar da cassação de seu mandato de senador. Renan foi acusado de permitir que um lobista de uma empreiteira pagasse suas despesas pessoais, como a pensão da filha que teve em relação extraconjugal com a jornalista Mônica Veloso.
O senador é hoje o favorito para assumir novamente o mais alto posto na Casa, em eleição a ser realizada em 1.º de fevereiro. A volta do peemedebista tem a bênção do Palácio do Planalto e foi resultado de uma costura política que uniu PMDB e toda a base de sustentação da presidente Dilma Rousseff no Congresso.
Mesmo respondendo a processos na Justiça, entre eles um de improbidade administrativa, e tendo seu nome ainda constantemente envolvido em polêmicas, o nome do peemedebista segue firme na disputa.
http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,procuradoria-geral-denuncia-renan-calheiros-no-caso-dos-bois-de-alagoas,989188,0.htm

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Se não Compartilhar, poucos saberão!!!




Curta, comente e compartilhe no FaceBook e apareça aqui:

Ratings and Recommendations by outbrain