domingo, 8 de julho de 2012

#Bomba! DILMA é VAIADA pela 4ª vez, apesar de 77% do povo satisfeito com a M:

Parece que nos próximos encontros públicos, Dilma terá de se esconder para não levar ovadas. A insatisfação está geral e em quase todos os encontros, com exceção nos passeios ao exterior ou ao nordeste, ela tem sido vaiada. Vejam que os universitários estão a quase dois meses sem aulas e sem terem suas revindicações atendidas. A mesma coisa acontece com os Militares que já estão programando uma campanha nacional Anti-PT.
O Fato mesmo é que os políticos conseguem ter aumentos abusivos enquanto trabalhadores, professores,  Bombeiros, Policiais, Funcionários Públicos, aposentados não conseguem salários dignos.
A revolta ainda é maior quando o Governo não mede esforços para derramar dinheiro nas contas das empreiteiras, inclusive da DELTA, para executarem obras superfaturadas como as da COPA e criarem estatais para Gerir Trens balas que ainda nem existem.
Vemos que estão mais preocupados com os bolsos deles de que com a saúde do povo. Até contra as mulheres ela age. Quantas creches ela já construiu das 6000 que prometeu? A bem da verdade, até hoje Dilma só teve o trabalho de viajar e passear e arrumar a caca que seus ministros corruptos tem feito pelo covil de brasília. Daí a revolta, que cada vez mais entorna o caldo. Vai chegar tempo que o IBOPE, que costuma vender resultados de pesquisas prontas, não conseguirá convencer mesmo que Dilma alcance o Impossível de 150% de satisfação.
Do jeito como andam as coisas, no próximo encontro ela terá de ir de capacete e colete. Mesmo que ela seja atingida por uma Bolinha de papel, os Marketeiros darão um jeito de dizer que recebeu uma tijolada para criarem um clima de comoção Nacional.

dilma vaiada ufabc 050712 sponholz humor politico Tempos difíceis para Dilma

Vejam as vaias:


Estudantes atrapalham evento
'Minha Casa, Minha Vida', no Rio (4ª Vaia)


PRESIDENTA DILMA ROUSSEFF
A festa de inauguração de novas unidades habitacionais do programa "Minha Casa, Minha Vida" foi atrapalhada por universitários nesta sexta (6), no Rio, onde estão presentes a presidente Dilma Rousseff, o governador, Sergio Cabral, e o prefeito Eduardo Paes. Estudantes ligados à União da Juventude Socialista (UJS) e à União Nacional dos Estudantes (UNE) começaram a gritar palavras de ordem assim que a presidenta começou a discursar. Os manifestantes foram afastados pelos seguranças e alguns chegaram a ser agredidos. Os alunos pediam a destinação de 10% do Produto Interno Bruto (PIB) para a educação.



Escolha errada (3ª Vaia)

Dilma foi à abertura de uma Unidade de Pronto Atendimento em São Bernardo (SP), para dar uma força ao PT local e evitar a inauguração de uma UPA idêntica no DF, porque não gosta do governador Agnelo Queiroz. Ela se deu mal: no terreiro de Lula, tomou uma vaia histórica.  http://www.claudiohumberto.com.br/principal/

isso pq tem 100% de aprovação... e tome vaia!!!!





Dilma, a segunda vaia na semana. (1 e 2ª Vaias)
Depois de ser vaiada pelos prefeitos no encontro realizado em Brasília, Dilma Rousseff enfrentou nova manifestação popular ontem ao, em horário de expediente, vir a São Paulo para um apoio ao vivo para o empacado Haddad, o candidato do kit gay. Junto com Lula, visitaram a exposição "Guerra e Paz", de Candido Portinari, no Memorial da América Latina. A mostra ficou fechada durante a visita. Ao se deslocar pelo memorial, Dilma foi vaiada pelo público que, na calçada, teve que aguardar a passagem da comitiva para poder entrar. A exposição foi fechada para o ato politico.
E haveria uma terceira vaia, que foi cancelada em mais um encontro do PT.



.
.
.
.

"Dilma, duas vaias em 24 horas"


Por Augusto Nunes
Ainda convalescendo da vaia em São Bernardo do Campo, Dilma Rousseff voltou a ouvir no Rio de Janeiro, nesta sexta-feira, o mais desconcertante dos protestos sonoros. O neurônio solitário deve estar pálido de espanto com o enigma .
No fim de junho, uma pesquisa do Ibope informou que apenas 8% dos brasileiros reprovam o desempenho da presidente. E comunicou à nação que o recorde estabelecido pela chefe de governo colocou Dilma Rousseff à frente de todos os seus antecessores desde a Proclamação da República.
Como combinar as duas informações do Ibope com duas vaias separadas por apenas 24 horas? Se o preço da encomenda for suficientemente estimulante, o comerciante de porcentagens escolhido para o serviço conseguirá decifrar o enigma com uma pesquisa restrita aos participantes das manifestações.
Ficará provado que os mesmíssimos 8% de eternos descontentes, disfarçados de estudantes, juntaram-se - para fingir que são muitos - tanto no ato de protesto em São Bernardo quanto na reprise ocorrida no Rio.
A pesquisa provaria que esses inimigos da pátria resolveram piorar o péssimo humor da presidente e, sobretudo, atrapalhar a vida mansa dos fabricantes de estatísticas com a invenção de outra brasileirice: a vaia ambulante. E Dilma ficaria feliz ao saber que a vaia desta sexta-feira saiu das mesmas gargantas que a hostilizaram na véspera. E já se preparam para a terceira rodada de apupos.
Mas convém apressar o serviço. Se o bando de manifestantes continuar perturbando as aparições públicas da recordista, e se a temporada de protestos estender-se até o ínício do julgamento do mensalão, nem o mais crédulo dos devotos da seita vai levar a sério a usina de pesquisas convenientes administrada em conjunto pelos ibopes, sensus e voxpopulis que prosperam no Brasil Maravilha. Em todas, o vitorioso é sempre quem está no poder.
Fonte: "Blog de Augusto Nunes"



Para Dilma e Lula conseguirem emplacar um poste em São Paulo, se associam até a bandidos procurados pela Interpol. Daí tem que arcar com as consequencias.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Se não Compartilhar, poucos saberão!!!




Curta, comente e compartilhe no FaceBook e apareça aqui:

Ratings and Recommendations by outbrain